EVA

by - outubro 25, 2012

Angélica deixando a Maternidade, e a mãozinha da pequena  EVA

Demorei um pouquinho, afinal Eva nasceu no dia 25 de setembro, esta completando um mês de vida. 


Lendo as reportagem que falavam da emoção de Angélica em ser mãe agora de uma menina, me fez lembrar a época do nascimento de Aninha. Sempre sonhei ser mãe de uma menina, mas Deus é sábio e agraciou-me com Serginho primeiro. 

Era um sonho bobo, pois filho é um benção, e vindo com saúde melhor ainda. Porem, em uma de suas entrevistas ao sai da Maternidade, Angélica disse: "Agora tenho uma menina para dividir maquiagem e laços, missão cumprida". Podem não acreditarem, mas tive a mesma sensação quando Aninha nasceu, finalmente uma companheira. 

Parece ser bobagem, mas eu vejo em casa o rosto de Sergio quando está brincando de PlayMobil com Serginho ... a alegria, as vezes bobo vem explicando-se "eu brincava muito com esses bonecos quando era criança. Mas não posso falar nada, pois também fico toda boba quando pego Aninha desfilando pela casa com os meus sapatos e as minhas bijuterias. 

Acompanho Angélica desde o Clube da Criança, na extinta Tv Manchete, época do "Vou de táxi". Ela merece essa família. Desejo Felicidades e que Deus continue a abençoa-la.

Angélica, quando criança

You May Also Like

4 comentários.

  1. Olá sou Blogueira Unida 2278, vim conhecer seu blog e adorei!!!
    Ja vou aproveitar pra seguir tambem.
    Tambem vim convida-la a participar da brincadeira no meu blog:
    http://amorporamigurumis.blogspot.com.br/2012/10/3-sorteio-em-parceria-com-circulo.html
    Até mais! Beijos!!!

    ResponderExcluir
  2. Este é um momento mágico. e pensar que minha filha mais velha já tem 15 anos... como o tempo passa e as lembranças ficam.

    ResponderExcluir
  3. Seu cantinho é uma deliciaaaaa...
    Gostei demais daqui..me identifiquei muito e gostaria de convidá-la a conhecer meu blog tbm...

    Um beijo e um sorriso

    http://elielmavasconcelospink.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Li, tenho uma filha, agora já com 17 anos, e foi maravilhoso partilhar conhecimentos com ela, embora ela tenha uma personalidade um pouco diferente. Mas gosto também do meu sobrinho de 6 anos, aprendemos com ambos os sexos. Um abraço!

    ResponderExcluir