sábado, setembro 28, 2013

Higiene Bucal Infantil

Foto: http://www.thuocbietduoc.com.vn
Todos sabem que a higiene bucal é a melhor forma de prevenir cáries, gengivite, mau hálito e outros problemas na boca. Dentes saudáveis têm menos cáries, são limpos e ajudam a falar bem e mastigar corretamente os alimentos.

A cárie é a proliferação de bactérias na boca que acabam afetando os dentes. Esse problema ocorre pela associação de dois fatores: excesso de alimentos que prejudicam os dente e falta de higiene bucal.

Quanto ao habito da escovação dos dentes não tenho problemas com Serginho e Aninha, pois uso aparelho ortodôntico, e como estou sempre escovando os dentes foi um passe de mágica eles adquirirem o habito.
Serginho e Aninha escovando os dentes antes de dormir
Contudo, para minha surpresa, algumas semanas atrás, percebi os dentes de Aninha amarelados e resolvi dar uma olhada mais atenta na sua boca, e pronto! Um dentinho com cárie. Questionei no Berçário sobre sua escovação e todos ficaram igualmente surpresos, pois ela sempre escova-os com perfeição.

Não tinha outro jeito, senão leva - lá ao dentista. E lá, fui esclarecida que o uso de determinado antibiótico prejudica a formação dentaria, a tetraciclina, que adere à dentina, a parte dura do dente, provocando manchas e enfraquecimento. E lembrei que quando a Aninha tinha 10 meses ela teve infecção urinária e foi justamente esse antibiótico usado no tratamento.

Pesquisei sobre o assunto e constatei que esse é o medicamento que estraga os dentes das crianças. Mas isso só acontece se o medicamento for tomado em grande quantidade e enquanto o dente está se constituindo, que foi o caso de Aninha. Depois de completada a formação dentária (que ocorre por volta dos 12 anos), nem uma tonelada de tetraciclina causam problemas. Hoje, praticamente todos os pediatras já têm consciência do que a tetraciclina pode fazer e procuram receitar para as crianças outros tipos de antibióticos, que têm o mesmo efeito.

Outra coisa importante que o dentista explicou-me é que a maioria dos medicamentos infantis (inclusive os antibióticos) apresentam-se na forma de xaropes ou soluções açucaradas para esconder o gosto ruim. E geralmente os medicamentos são prescritos para serem tomados de 6/6 horas ou 8/8 horas e a vezes temos que dar o remédio no meio da noite e acabamos esquecendo de escovar os dentes dos pequenos... e com isso o açúcar do remédio fica em contato com o dente a noite toda e como consequência o ambiente fica propício para o desenvolvimento da cárie. Sem falar que quando os filhos estão doentes ficamos menos preocupados com a higiene bucal.

A higiene bucal consiste em cuidados tanto pessoais como profissionais. A escova de dente é o principal instrumento para a higiene bucal. O correto é escovar os dentes sempre após as refeições, durante, no mínimo, 5 minutos e num local com boa iluminação e sempre de frente a um espelho.

O fio dental também é essencial para uma boa higiene bucal. É o fio dental que remove a placa bacteriana e os restos de alimentos das áreas onde a escova dental não alcança.

Não esquecendo que é muito importante cuidar da higiene bucal desde bebê. Nessa fase a limpeza deve ser feita com uma gaze ou fralda umedecida, em água limpa, para remover os resíduos de leite. A medida que a criança vai crescendo, os procedimentos da higiene bucal mudam, por isso é muito importante os pais consultarem o dentista. A prevenção é maneira mais econômica e menos dolorida de se cuidar dos dentes.

Foto: www.smartkids.com.br

Fonte:


Copyright © 2016 Cantinho da Li , Blogger