2º NIver de Serginho


Há dois anos atrás, numa madrugada rotineira de Aracaju, eu acordei estranha e fui ao banheiro, não tinha dor e estava com pequeno sangramento. Era uma terça feira, 11 de setembro, torcia para vc não necer nesse dia. Mas Deus me mostrou que mesmo sem saber eu sentia que aquele seria um dia diferente.

Hoje acordei e tentei me lembrar da minha vida antes de você e simplesmente não consigo.

E nesse meio tempo, 2 anos exatamente, tivemos nossos contratempos, nossos altos e baixos, suas dores, minhas dores. Mas nada mais tem importância na minha vida se não for por você. Tudo, exatamente tudo o que penso e faço agora é pensando em você. Eu que nunca me imaginei mãe, agora sinto como se nunca tivesse deixado de ser.

Obrigada mais uma vez, meu filho, por me fazer uma pessoa melhor. Obrigada por mudar meus paradigmas. Obrigada por tudo e pela sua presença agora. Temos muito a aprender um com o outro nessa vida e espero ter sempre a solução para seus problemas e para suas dores. Mas espero que possamos juntos crescer e que nossa relação de mãe e filho sempre evolua de forma positiva.

Hoje te vejo ensaiando as primeiras palavras, frases, pensamentos. Hoje te vejo com vontades, birras, manias. Vejo um pouco de mim (em defeitos e virtudes), vejo um pouco do seu pai, mas vejo principalmente você, na sua singularidade. Ser único e especial. Que existe independente de qualquer coisa e que vai continuar existindo de uma forma ou de outra independente de mim ou do seu pai.

Mas você é essencialmente VOCÊ e te amamos por isso. Seja sempre autêntico e fiel à suas convicções, mas saiba ser flexível e mudar de opinião vez ou outra. Nem sempre estamos certos no que pensamos, meu filho. E essa é a primeira lição de vida que você deve aprender.

Feliz aniversário, meu bebê.

Te amo!

bjinhos

Mamãe”

Cantinho da Li Copyright © 2009